| | |
OABMS

Notícias

Tratamento de adictos abre palestras de Conferência Estadual sobre Drogas
Data: 12/04/2018

Aconteceu ontem (11) às 19h a abertura solene da I Conferência Estadual para Discussão da Política sobre Drogas, realizada no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), pela Comissão de Direitos Humanos da OAB/MS.

A Conferência teve início com a palestra “Brasil: o Desafio das políticas públicas sobre drogas” proferida por Ricardo Valente, psicólogo especialista em tratamento de dependência química, representante da Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas (FEBRACT) no Rio Grande do Sul.

“Ricardo abordou as questões atuais sobre a necessidade de oferta de serviços adequados para que os dependentes sejam acolhidos com o oferecimento de vários tipos de tratamento e não somente uma opção. Também ficou reconhecida a importância dos grupos de apoio mútuo como o Alcoólatras Anônimos como instrumento de tratamento” relatou o Presidente da CDH, Christopher Scapinelli.

Segundo Scapinelli, Ricardo abordou ainda a recente resolução do Conselho Nacional de Políticas Sobre Drogas (CONAD) que realinha a política nacional sobre drogas, levando em conta os projetos de alteração das leis que tramitam no Congresso Nacional, as recentes decisões do Poder Judiciário e a necessidade de contínuo aprimoramento das ações públicas de prevenção, acolhimento, formação, pesquisa, cuidado e reinserção social no campo das políticas sobre drogas.

“A resolução recomenda que o dependente seja acolhido pela saúde pública e os instrumentos de acolhida sejam estruturados e colocados em rede para que haja o amparo ao dependente o quanto antes, pois estudos demonstram que quanto antes o dependente buscar ajuda, mais eficaz será o tratamento e menos traumático será enfrentar a dependência” explica Christopher.

A abertura contou com representantes do Exército, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Polícia Militar e Defensoria Pública Estadual, entre outras entidades.

A Conferência está em curso no auditório, em parceria com o Conselho Estadual Anti Drogas, Conselho Municipal Anti Drogas e com a Subsecretaria de Direitos Humanos da Prefeitura de Campo Grande.

OUTRAS NOTÍCIAS
MÍDIAS SOCIAIS