Notícias

OAB/MS promove eventos em alusão à campanha ‘16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres’

Data:

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), promove série de eventos alusivos à campanha ‘16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres’. A ação começou oficialmente nesta quarta-feira (25), no entanto, com o objetivo de abranger os temas em debates, desde o dia 19 a OAB/MS tem realizado lives com várias temáticas que visam mobilizar cidadãos e organizações no engajamento à prevenção e eliminação da violência contra as mulheres e meninas.

De acordo com a Secretária-Geral Adjunta Eclair Nantes, neste ano, a discussão vai muito além da violência física e psicológica, tem por objetivo também proteger as famílias. “É muito importante que as pessoas entendam que quando lutamos pelo fim da violência contra a mulher isso reflete na proteção à família e toda a sociedade”, destaca.

Há muitos anos a Seccional Mato Grosso do Sul tem no seu calendário essa pauta, pois entende que o combate à violência contra o gênero feminino está relacionado ao combate à violência familiar. “Trata-se do fortalecimento à família. Buscamos nos debates encontrar respostas para questionamos como: o que acontece com essas vítimas, que muitas vezes são obrigadas a deixar os seus lares? Como fica a vida, os estudos dos filhos? Qual o destino e amparo oferecido para os filhos das mulheres vítimas de feminicídio, que acabam com o pai preso pelo crime? A OAB/MS tem trazido essa temática visando demonstrar para as pessoas a importância de abranger essa discussão sobre o papel das famílias nos dias de hoje”, frisa a Secretária-Geral Adjunta.

Outra forma de debater o tema que a Seccional entende ser de extrema importância é nas escolas. “Acreditamos que através do ensino e da educação é que vamos formar as crianças para que desde cedo entendam o que é a violência. E, além de saberem se defender buscando os caminhos certos, não a repercutam em seus lares”, conclui Eclair Nantes.

A série de lives promovidas pela instituição começou no dia 19 e falou sobre ‘A importância dos 16 dias de ativismo pelo fim da violência de gênero’. No dia 20, o tema abordado foi ‘Consciência negra: reflexões práticas’. Ontem (24), foi debatido “Violência contra mulher idosa”.

Os próximos eventos são:

Dia 03/12/20 – 16h – ‘Violência contra menina: quebrando o silêncio’
Dia 08/12/20 – 16h – ‘Parto: aspectos relacionados a escolha’
Dia 10/12/20 – 18h – ‘A importância dos projetos nas subseções pelo fim da violência de gênero’
Dia 15/12/20 – 16h – ‘Violência doméstica e religião: um debate necessário’

A transmissão é feita pelo canal no YouTube: ordemadvogadosms. Se inscreva e participe dos eventos já realizados e dos próximos.

Campanha de ativismo

Os 16 dias de ativismo começaram em 1991, quando mulheres de diferentes países, reunidas pelo Centro de Liderança Global de Mulheres (CWGL), iniciaram uma campanha com o objetivo de promover o debate e denunciar as várias formas de violência contra as mulheres no mundo, segundo a ONU Mulheres Brasil.

No Brasil, a campanha ocorre desde 2003 e é chamada 16+5 Dias de Ativismo, pois incorporou o dia 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. A mobilização se estende até 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. Cerca de 150 países participam da campanha.

Texto: Laura Holsback / Fotos: Gerson Walber